Publicidade

quarta-feira, 18 de maio de 2016 De Olho | 11:32

“Temer pode ter seu lugar na história”, diz FHC

Compartilhe: Twitter

Fernando Henrique Cardoso sentou-se no sofá do “Programa do Jô Soares”, na madrugada desta quarta-feira (18), e colocou as cartas na mesa sobre o atual cenário político e econômico.  Indagado pelo apresentador sobre o impedimento de Dilma Rousseff, o ex-presidente afirmou que a narrativa de golpe é conversa fiada e que se Dilma transpôs barreiras consideradas ilegais pela constituição, o impeachment é legítimo.

JÁ SEGUE O BLOG NO INSTA E NO TWITTER? @_vem_gente

E FHC descarta o retorno da presidente afastada pelo Senado, alegando que ela não tem mais condição de governar. “Alguém que sai da cadeira, é pouco provável que haja volta. Ela não tem maioria no Congresso, e pensando no Brasil, não seria bom que ela voltasse.”

Ainda, Cardoso deu sua opinião sobre o governo Temer e se diz otimista. “Se ele colocar a economia para funcionar melhor, a Lava-Jato continuar e se ele reorganizar o governo, ele terá seu lugar na história.” FHC completa que o Brasil tem de começar a caminhar para frente e deixar de caminhar para trás. Só assim poderemos recuperar a credibilidade perante o mundo e colocar o País no eixo.

Autor: Tags: ,

3 comentários | Comentar

  1. 53 Luiz soares 18/05/2016 21:16

    Eu apoio. Medidas do novo Governo buscar diálogos com as lideranças de todos os partidos comprometidos em ajudar o País a sair desta fase econômica que estamos vivendo. Fazer girar capital na econômia de modo sustentavel que possa gerar empregos . Que as Industrias e o comércio volte a se fortalecer. Que venha os investidores a aplicar e acreditar em um gorverno
    sério e transparente em suas decisões .

  2. 52 paulo 18/05/2016 13:27

    Creio que, como ex-presidente, é uma pessoa de extrema confiança para comentar este fato, quem seria? o Lula?

  3. 51 ferreira 18/05/2016 12:35

    Acho que Fernando Henrique Cardoso do PSDB não é pessoa de confiança, para comentar este fato .

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.