Publicidade

Posts com a Tag traição

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016 Gossip | 14:01

Famosa faz vista grossa e ainda escolhe as parceiras do marido

Compartilhe: Twitter
Uma atriz recém-casada que está grávida tem feito vista grossa às investidas e até possíveis traições do marido. Isso porque ela tem um fetiche: gosta de relações a três e até escolhe as parceiras para as festinhas do casal.
Autor: Tags:

quarta-feira, 12 de novembro de 2014 Novela | 07:00

“Boogie Oogie”: Elísio descobre traição e expulsa Beatriz de casa

Compartilhe: Twitter
Agora a casa caiu, Beatriz. Crédito: Divulgação/Globo

Agora a casa caiu, Beatriz. Crédito: Divulgação/Globo

A panela de Beatriz (Heloísa Perissé) vai esquentar ainda mais na próxima semana em “Boogie Oogie” (Globo). E isso porque o caso que teve com Paulo (Caco Ciocler) vai chegar aos ouvidos do único que ela mais temia que soubesse da história: Elísio (Daniel Dantas).

Tudo começa quando o marido de Beatriz tem uma conversa alterada com Artur (Gustavo Trestini), por quem é escorraçado com meias-palavras. Elísio vai para casa e começa a ligar uma ponta na outra. Quando chega, Beatriz está na cozinha e os dois começam uma tremanda discussão. O militar coloca a mulher contra a parede e força uma confissão.

SIGA O BLOG NO INSTAGRAM

Beatriz teima em manter o silêncio sobre a revelação. Sandra (Isis Valverde) chega em casa e encontra os pais descontrolados. Beatriz toma um susto quando vê a filha, que teoricamente estaria viajando para se casar com Rafael (Marco Pigossi) em Gibraltar sem contar para mais ninguém. Elísio perde a noção – que já era pouca – com mais um segredo.

A partir daí, a DR pesada começa. É o MMA entre Beatriz e Elísio. Ele questiona o motivo de ela, sempre tão sem vaidade, começar a se enfeitar, e ela diz que é tudo para o marido, mas que ele não dá importância. A pressão é tanta que Beatriz, em determinado momento, estoura e assume que ela e Paulo iam juntos ao cinema. Acompanhe um trecho do diálogo:

Beatriz: (tensa) Faz muito tempo, o Paulo me convidou pra assistir “A um passo da eternidade”, no Rian… Não foi nada demais pra/
Elísio: (corta) E porque você nunca me contou que passou uma tarde na companhia do vizinho?!
Beatriz: Porque eu te conheço… Você não ia gostar! Pra você uma manhã na feira já me basta pra alegrar meu dia! Depois daquele filme eu e o Paulo fomos algumas vezes ao cinema… Só isso! Era um segredo nosso!
Elísio: E o que é que era mais divertido? Assistir uns filmes ou rir da minha cara por estarem me enganando?
Sandra: Como é que a mãe podia te contar, pai? Você coloca tantas regras que a gente tem medo até de botar um copo de água fora do lugar!
Elísio: Falou a aprendiz de mentirosa! A que ia casar escondido! Mesmo sabendo o quanto eu fazia questão de te levar pro altar! Mas que importância que eu tenho
Sandra: Não fala assim! Eu e o Rafa não fizemos nada contra você, a gente só tava querendo evitar essa confusão de/
Elísio: (desconfia) Sandra, me explica uma coisa. O que é que te fez desistir da viagem pra se casar, então? Você apareceu aqui de repente…
Sandra: (tensa) O que é que você tá querendo dizer?
Elísio: Sua mãe ligou, não foi? Enquanto eu tava na casa do Artur ela tava te pedindo socorro? Por quê?
Beatriz: (desesperada) Elísio, já chega, por favor!
Elísio: Por isso que a Diana passou a nos evitar! Primeiro era simpática, mas depois… Ela descobriu de você e do Paulo, não foi? (cai a ficha) Beatriz! Não pode ser!
Beatriz: (tensa) Para com essa loucura! Você tá misturando/
Elísio: (corta) Agora eu tô entendendo tudo! Por isso que você nunca quis fazer o teste de paternidade, e depois foi sozinha no laboratório buscar o resultado…
Beatriz: (apavorada) Como assim? Você sabe que eu tava sofrendo com a troca da Sandra!
Elísio: Não! Você tinha medo que eu não fosse o pai da Vitória! Não é isso?
Beatriz: (em pânico) Elísio, eu/
Elísio: (corta) Me fala, Beatriz! A Vitória é filha do Paulo?

Beatriz e Sandra insistem em negar a informação e reforçam que o exame comprovou que Elísio é o pai biológico de Vitória (Bianca Bin). A gritaria chega na casa do vizinho – a outra parte interessada na história. Elísio vai até Paulo para tentar ouvir dele a verdade. Rafael está lá com Diana e eles também tentam acalmar os ânimos, mas em vão. Beatriz, Elísio e Paulo, então, cruzam o corredor e fecham a porta. Agora o assunto é entre o triângulo em questão.

Elísio: Eu quero ouvir de vocês! Falem! Vocês são amantes?
Beatriz: (em pânico) Não, Elísio!
Paulo: Chega, Beatriz! Eu não aguento mais viver me esquivando do olhar do Elísio, da pressão da Diana!
Beatriz: (começando a chorar) Paulo! Você não pode/
Paulo: (corta) Nós tivemos um caso, sim!
Elísio: (furioso, empurrando Paulo) Seu filho da mãe!
Paulo: Mas acabou há muitos anos!
Elísio: Eu salvei a sua vida! Você devia ter ficado preso, mas era pela sua falta de caráter!
Paulo: (tenso) Eu sei que você não vai entender Elísio, mas o nosso envolvimento foi… A gente era jovem demais….
Elísio: (corta) Cala a boca! Sabe que nome você devia dar pro seu livro?! Memórias de um canalha!
Beatriz: (chorando) Elísio, me escuta, por favor/
Elísio: (corta) Quanto tempo durou essa safadeza, Beatriz? Que horas vocês se viam? Enquanto eu tava construindo nosso futuro enfurnado naquele quartel você ficava se refestelando na casa do vizinho!? (furioso) Me fala!
Beatriz: (chorando) Eu sei que eu errei, Elísio…
Elísio: Errar é você salgar a comida, é não pagar uma conta de luz! O que você fez se chama traição, deslealdade!
Beatriz: (chorando) Eu era nova… E você sempre com esse seu jeito duro… Cheio de regras, certo, errado… Às vezes, eu ficava sufocada… Você nunca me elogiava…
Elísio: Como assim eu não te elogiava, Beatriz? Tem elogio maior pra uma mulher do que ter um homem todo dia, do lado dela?!
Beatriz: Eu me sentia sozinha…. Você dizia que meu empadão era maravilhoso, que a roupa tava bem passada… Mas e eu? Você não me olhava com desejo!
Elísio: Mas você se casou comigo! Com esse Elísio aqui! Eu sempre fui assim!
Beatriz: Eu tentei evitar… E devia ter conversado com você! Mas não sabia como! Quando eu vi… Já tava envolvida com o Paulo… Ele me dava o que faltava na gente!
Elísio: Então, porque você não me largou e ficou com ele?
Beatriz: Porque eu te amo! Sempre amei! Nunca passou pela minha cabeça ficar sem você!
Paulo: Isso é verdade, Elísio…
Elísio: (berra) Fica quieto!
Beatriz: Eu me sentia culpada todo o tempo, eu e o Paulo terminamos várias vezes! Eu não conseguia continuar…
Paulo: A gente se reencontrou quando eu voltei do Chile… Eu tava meio perdido, retomando a minha vida… A gente desabafava, acabamos sendo a muleta um do outro!
Elísio: Não! Você aproveitou um buraco no meu casamento pra tirar proveito! Você frequentava a minha casa, Paulo!
Paulo: (tenso) Eu sei que você nunca mais vai querer olhar na minha cara, mas tenta enxergar o seu casamento além desse erro do passado! Vocês dois/
Elísio: (corta) Resolveu defender a Beatriz como ela fez com você lá atrás?! (a Beatriz) Aquele desespero em tirar o Paulo da prisão tinha uma razão bem forte, não é?
Beatriz: (chorando) Eu me preocupava com ele, sim…
Elísio: É mais do que isso!
Paulo: Do que é que você tá falando, Elísio?!
Elísio: É só fazer as contas! O tempo em que vocês me traíram e o nascimento da Vitória! Você tava protegendo o pai da sua filha!
Beatriz: Eu não aguento mais, Elísio…
Elísio: (firme) Você é o pai da Vitória, não é Paulo?

SIGA O BLOG NO TWITTER

Paulo, sereno, avisa para Elísio que não existe nenhuma possibilidade de Vitória ser sua filha, porque ele e Beatriz nunca chegaram a transar. O caso se bastou com beijos e carinho.

Paulo: Olha pra Beatriz! Essa mulher te ama! Você acha que eu nunca desejei mais do que um abraço, um beijo? Mas esse amor era seu!
Elísio: Você tá me dizendo que a Beatriz ia todos os dias na loja de doces… E é suposto eu acreditar que ela nunca provou um pra sentir o sabor?
Paulo: Você acredita no que conseguir. Eu recomecei minha vida do zero várias vezes… Não tenho raiz…Você tem uma muito forte! Ela tá aí do seu lado! (sai)
Beatriz: Elísio, me perdoa… O Paulo foi importante… Mas pra eu perceber que a minha melhor aventura tá aqui! Do seu lado, criando nossos filhos! Isso que me faz sentir viva…
Elísio: (seco) Eu não quero ouvir mais nada.
Beatriz: Vai ouvir, sim! Eu tropecei, mas não saí do caminho que a gente traçou!
Elísio: Esse desvio que você pegou fez você se perder de mim! Eu vou pro quartel. Quando voltar não quero você aqui!

Vem ver isso aqui também, menina…:

Marília Gabriela sobre série: “vou ficar na fila para segunda temporada”

Programão em família: “Frozen” chega ao Telecine

“Eu sou melhor que a Bruna Marquezine?”

Autor: Tags: , , , , , , , ,